siga-nos | seja fã
PUB
 

Quer uma boa desculpa para faltar ao trabalho? A constipação já “não cola!”

Quer uma boa desculpa para faltar ao trabalho? A constipação já “não cola!”
Imprimir Partilhar por email
03-09-2015 - 10:40
Ao longo dos tempos, têm sido muitas as desculpas para “enganar” o patrão e ficar um dia em casa.
 
Entre dores de cabeça que quase parecem enxaquecas, gripes e constipações, os chefes estão mais arrojados na definição da credibilidade das desculpas, pelo que, não aceitam uma ausência ao serviço por um motivo pouco justificativo.
 
Neste sentido, os trabalhadores estão a apostar mais na verdade e a não temer as consequências de falar em stress, depressão ou ansiedade como fatores que impedem a presença no trabalho, no entanto, é a dor de costas e a cirurgia que melhor convence a classe executiva das empresas.
 
Segundo um levantamento feito pela AXA PPP Healthcare junto de mil empregadores, apenas 41,6% defende que uma gripe pode justificar uma falta, uma vez que preferem não ter um ou outro funcionário doente no escritório.
 
As dores nas costas são uma desculpa aceitável para 38,5% dos patrões entrevistados e as lesões devido a acidente para 38,2%. O stress apenas é aceite por 35,4% e a cirurgia eletiva (em que se consegue escolher a data) por 35,2%.
 
A ansiedade é somente aceitável para 25,4% dos patrões, enquanto a constipação apenas leva a melhor em 23,8% dos casos, não sendo a desculpa mais adequada a apresentar. Já a enxaqueca apenas é justificável para 21,7% dos patrões inquiridos.
 
Mas os números apresentados pela seguradora britânica e citados pelo The Independent revelam duas realidades preocupantes e graves: a primeira refere-se ao facto de apenas 24,5% dos patrões aceitarem a depressão como desculpa plausível para não ir trabalhar; a segunda, ao facto de as pessoas com depressão continuarem a esconder esta condição mental, com medo de represálias por parte da entidade empregadora.
 
Dos mil empregados questionados pela seguradora, a maioria confessou não ter coragem para contar ao patrão que padece de uma condição mental, seja depressão, ansiedade ou stress. Enquanto 77% afirma dizer a verdade quando em causa está uma lesão física, apenas 39% confessa ser honesto no caso de problemas mentais.
 
 
COMENTÁRIOS
 
MAIS NOTÍCIAS
-

Baixa Inteligência Emocional afeta a qualidade das relações



-

Não se desculpe por dizer a verdade!



-

O que queremos, acontece!



-

Faça um teste à sua maturidade emocional



-

Descubra “o poder curativo” da praia



PUB
 
MAIS LIDA ONTEM
Algarve vê novo hospital por um "canudo"

Algarve vê novo hospital por um "canudo"

ver mais
 
 
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Farense é a única equipa algarvia na Taça de Portugal

Farense é a única equipa algarvia na Taça de Portugal

ver mais
 
São Brás de Alportel adere à Semana Europeia do Teste VIH-Hepatites

São Brás de Alportel adere à Semana Europeia do Teste VIH-Hepatites

ver mais
 
“Dias da Inovação e Partilha Pedagógica” na UAlg

“Dias da Inovação e Partilha Pedagógica” na UAlg

ver mais
 
 
 
 
Allô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Fichas de Leitura» Desporto» Click Saúde
» Economia» Figuras da nossa Terra» Política» CX de Correio