Periodicidade: Diária | siga-nos | seja fã
PUB
 
3 razões que levam uma pessoa a mudar
Imprimir Partilhar por email
É verdade que as pessoas mudam quando querem, mudam quando sentem essa necessidade, mudam quando precisam de sobreviver, quando entram em tédio e quando percebem que estão a deixar escapar a vida por entre os dedos.
 
As pessoas mudam quando sabem que não estão bem no modelo que estão a seguir. Mudam quando sentem um profundo mau-estar na sua vida que é como que a mesma a colocá-las “entre a espada e a parede: ou mudas ou estás condenado a ser infeliz”!
 
1.A primeira razão que leva à mudança é o conhecimento, seja de nós próprios, seja dos outros. A aprendizagem leva-nos a ver a realidade de uma forma diferente e a pautar a nossa vida num sentido novo. Ao mesmo tempo, a experiência resultante desse conhecimento, empurra-nos para novos desafios. É importante ter em conta que, lemos e experimentamos, analisamos e mudamos, não basta saber que existe, é preciso experimentar para dar um sentido ao que queremos e, depois é só seguir em frente nesse novo desafio. Muda quem arrisca fazer de forma diferente o mesmo que já fez.
 
2.Alguém que quer terminar um ciclo de sofrimento sente-se mais motivado para mudar. Uma pessoa que já tenha sentido muitas dificuldades no seu percurso, que já tenha sentido dor e angústia, terá mais força e motivação para colocar um ponto final numa determinada forma de vida, seja um casamento, um emprego, uma amizade e daí por diante. O mau-estar empurra-nos para a procura de uma alternativa, de um novo estilo e leva-nos a procurar novos conhecimentos e experiências. A mudança é a porta que se abre, é a nova esperança, a oportunidade para nos conhecermos melhor e para vivermos melhor.
 
3.Alguém que se cansou de fazer e de sentir sempre as mesmas coisas terá mais motivos para mudar. Essas pessoas sabem que estão a perder o seu tempo e energia com “causas perdidas”, por isso, ganham força para encetar um novo percurso e, regra geral, conseguem-no porque, efetivamente estão fartas dos mesmos desfechos. Estas pessoas incluem-se no grupo daquelas que, mal começa um filme, já conseguem ver o seu desfecho, por isso precisam de iniciar algo novo e mais entusiasmante. Estas pessoas mudam mesmo de vida porque o tédio passa a ser superior à motivação.
 
Se quer mudar, comece hoje mesmo a planear essa mudança. Procure informação específica, prepare-se para se conhecer mais a si mesmo e para perceber aquilo que quer mudar.
 
Comece por um lado, o mais pequeno que seja, mas faça-o sabendo que, aos poucos, vai ganhar expressão, entusiasmo e motivação. Faça essa mudança para si mesmo; para ser mais feliz, para se sentir mais realizado profissionalmente, para se encontrar dentro dos seus sonhos e pensamentos, mas comece agora a esquematizar essa mudança no seu cérebro. Feita esta primeira parte, tudo será mais fácil. Tenha em mente que, só a primeira desilusão é dolorosa, as seguintes já lhe são familiares e, tudo o que parece muito difícil, depois de começarmos a fazer, percebemos que não é assim tão acima das nossas capacidades. Boa sorte e, muito entusiasmo para a sua mudança!
 
Fátima Fernandes
 
 
COMENTÁRIOS
 
PUB
 
MAIS LIDA ONTEM
Descubra o que vai mudar na 38ª Concentração de Faro

Descubra o que vai mudar na 38ª Concentração de Faro

ver mais
 
 
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Portugal vence em Albufeira 3ª Etapa do Europeu de Futevólei

Portugal vence em Albufeira 3ª Etapa do Europeu de Futevólei

ver mais
 
Vem aí novo Dia Aberto na Jazida Arqueológica Paleolítica de Vale Boi

Vem aí novo Dia Aberto na Jazida Arqueológica Paleolítica de Vale Boi

ver mais
 
Apanhado a conduzir embriagado e com arma de fogo

Apanhado a conduzir embriagado e com arma de fogo

ver mais
 
 
 
 
Allô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Fichas de Leitura» Desporto» Click Saúde
» Economia» Figuras da nossa Terra» Política» CX de Correio