Periodicidade: Diária | siga-nos | seja fã
PUB
 
Anda com falta de desejo sexual? Confira a principal causa
Imprimir Partilhar por email
Associado à falta de desejo sexual masculino está uma hormona designada por Testosterona.
 
Esta hormona expressa-se em várias áreas do corpo e, quando há alterações significativas na sua produção, os sinais começam a ser mais evidentes, razão pela qual se deve consultar um médico e falar abertamente sobre o assunto para evitar acarretar problemas que se podem resolver com relativa facilidade.
 
A partir dos 40 anos, o homem começa a perder anualmente 1% da produção de testosterona. Por essa razão, é natural que, aos poucos, comece a sentir uma diminuição do desejo sexual, bem como um cansaço diferente do habitual, um aumento no volume da barriga, entre outros sinais.
 
Sendo o principal indicador dessa alteração a diminuição da libido, é por aí que os médicos fazem o teste para aferir a quantidade de hormonas que o organismo está a produzir.
 
Não estando outra causa associada a essa perda de desejo sexual, o médico prescreve a medicação adequada. Em muitos casos, basta um injetável de testosterona para que a situação se resolva, mas será o especialista a fazer essa prescrição e encaminhamento.
 
De realçar a título de curiosidade que, a testosterona manifesta-se em várias áreas do corpo, como por exemplo a produção de pêlos, aumenta os níveis de memória e concentração, previne a depressão e a ansiedade, permite a formação de massa muscular, etc., daí ser tão importante que o homem esteja atento ao seu organismo e que peça ajuda aos primeiros sinais, pois para além de garantir uma significativa melhoria da qualidade de vida, verá a sua sexualidade reposta com um novo interesse e intensidade.
 
Um homem informado sabe que não terá de aceitar as alterações naturais do seu organismo, pois apesar de, “ser próprio da idade”, tal como as mulheres fazem tratamento para a menopausa, também os homens devem realizar exames e seguir as orientações médicas mais ajustadas em cada caso.
 
Tenha em mente que, a qualidade do envelhecimento depende do conhecimento que temos para não aceitar aquilo que a natureza nos impõe e procurar as melhores soluções que nos ajudem a melhorar a qualidade de vida.
 
Fátima Fernandes
 
COMENTÁRIOS
 
MAIS TEMAS
-

Treine o seu cérebro para viver novas emoções em 5 passos



-

Somos melhores pessoas quando gostamos mais de nós do que do dinheiro



-

Por que sorrimos quando vemos alguém sorrir?



-

Expressar gratidão pode alterar o funcionamento do cérebro



-

Amor:Qual a melhor forma de saber se alguém gosta de si?



PUB
 
MAIS LIDA ONTEM
Desmantelada fábrica clandestina de produção de tabaco em Loulé (C/Vídeo)

Desmantelada fábrica clandestina de produção de tabaco em Loulé (C/Vídeo)

ver mais
 
 
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
GNR apreende 112 artigos contrafeitos em Monte Gordo

GNR apreende 112 artigos contrafeitos em Monte Gordo

ver mais
 
Música Clássica junta-se ao MED na Igreja Matriz de Loulé

Música Clássica junta-se ao MED na Igreja Matriz de Loulé

ver mais
 
3 habitantes do sítio da Fornalha promovem festa até ao nascer do sol

3 habitantes do sítio da Fornalha promovem festa até ao nascer do sol

ver mais
 
 
 
 
Allô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Fichas de Leitura» Desporto» Click Saúde
» Economia» Figuras da nossa Terra» Política» CX de Correio