Sociedade

Castro Marim: Testagem em massa à Covid.19 «vira-se» para o interior do concelho

 
Depois de dois fins de semana a testar a população de Altura e Castro Marim, num total de 1200 testes, o município avança agora com as ações no interior do concelho, nomeadamente para as freguesias de Azinhal e Odeleite.

Com a orientação do delegado de saúde, foram definidos como locais de testagem apenas as sedes de freguesia e as povoações com maiores riscos de transmissibilidade. Assim, na aldeia do Azinhal a testagem decorrerá na manhã de quarta-feira, dia 24 de fevereiro, na Junta de Freguesia. Já em Odeleite e nas restantes povoações das duas freguesias, a testagem será itinerante, através da Unidade Móvel de Saúde, nas tardes de terça e quarta-feira, informa a autarquia em comunicado.
 
As incrições realizam-se através dos contactos habituais - biblioteca@cm-castromarim.pt ou dos contactos: 281 510 747 ou 281 510 778 (9h-17h) e 961 743 222 (9h-20h).
 
Dada a evolução positiva da pandemia, quer a nível local, quer a nível nacional, a autarquia castromarinense diz optar por concluir a 1ª fase de testagem em massa, planeando avançar com uma 2ª fase quando se iniciar o desconfinamento.
 
A testagem em massa em Castro Marim, promovida sob o lema "Testar para parar o vírus", é uma iniciativa de caráter voluntário, que conta com a solidariedade de dezenas de técnicos de saúde, desde os médicos dentistas e mentores Pedro Ribeiro e Ricardo Pereira, enfermeiros, higienistas e farmacêuticos, até aos elementos da Proteção Civil Municipal, funcionários da autarquia e outras pessoas que quiseram juntar-se ao movimento.