Periodicidade: Diária | siga-nos | seja fã
PUB
 

Comemorações do Dia do Município de Loulé e Festa da Espiga decorreram online

Comemorações do Dia do Município de Loulé e Festa da Espiga decorreram online
Imprimir Partilhar por email
23-05-2020 - 15:31
Este ano o Dia do Município de Loulé, que se assinalou esta quinta-feira, foi celebrado de uma forma diferente.
 
Devido à pandemia obrigou a uma contenção nos festejos e, nesse sentido, a Câmara Municipal de Loulé optou por levar a cabo um programa realizado sobretudo online.
 
Conforme refere nota do Município, um dos momentos altos do dia foi a sessão transmitida em direto através do Youtube em que o autarca, Vítor Aleixo, e os restantes elementos do Executivo tiveram a oportunidade de se dirigir aos cidadãos. Uma ocasião em que este responsável respondeu a questões levantadas pelos próprios munícipes. Um dos temas abordados foi o andamento das obras em todo o concelho que, apesar da pandemia, conseguiu prosseguir com os projetos que já se encontravam em execução, "mesmo que a ritmo menos acelerado, visto que a crise económica que assola diversos setores, não se fez ainda muito sentir no setor da construção de obras públicas", regista nota da autarca. 
 
A possibilidade de a autarquia doar material informático (computadores e tablets) aos alunos das escolas do concelho, foi uma das questões levantadas. O autarca adiantou que o foi feito um levantamento das necessidades em cada escola, pelo que "muito brevemente se espera a chegada de material que se destina aos alunos que não têm meios próprios para poderem seguir este novo modelo de ensino". As medidas de apoio aos empresários ou a questão da sustentabilidade energética foram outros temas abordados entre o Executivo Municipal e os munícipes que aderiram à iniciativa.
 
Vítor Aleixo aproveitou para fazer um balanço daquilo que tem sido a política do Município e a atividade realizada em termos de obras e projetos em curso em todo o concelho. O trabalho feito para combater a pandemia no território e as ações no período de desconfinamento como o apoio social aos cidadãos e ao tecido empresarial foi uma das tónicas das palavras do autarca. Quanto aos investimentos, o presidente da Câmara de Loulé destacou a parceria com o ABC ou as grandes questões ligadas ao ambiente, confessando-se “um entusiasta” desta matéria. 
 
“Este é o dia do orgulho e da autoestima que sentimos por este grande concelho, que tem uma história de 7 mil anos”, afirmou Vítor Aleixo que sublinhou a heterogeneidade do município que se estende desde o Alentejo até ao mar. “É este mosaico de diversidade e união que faz do nosso município uma terra vibrante e coesa, capaz de enfrentar desafios, resolvê-los e seguir em frente”, acrescentou.
 
Numa intervenção em que falou dos esforços para combater a pandemia e no momento de regresso à normalidade, face à necessidade de levar a cabo apoios sociais para quem mais necessita, o autarca foi perentório: “Temos que nos mobilizar para ajudar os que ficaram sem emprego e estão a passar mal. Ninguém ficará para trás!”.
 
Deixou ainda uma mensagem de confiança no futuro: “Estamos aqui para servir e projetar o concelho de Loulé com grande ambição na concretização de projetos que nos vão trazer prestígio e notoriedade nacional e internacional. Trabalhamos para que, cada um que aqui vive, goste e se orgulhe da sua terra, para que a vida seja melhor para todos e para que a nossa terra seja parte que conte no esforço universal de um mundo mais humano”, sublinhou ainda.
 
De referir que neste dia a autarquia apostou na promoção da Cultura, outro dos setores afetados pelo confinamento. Numa altura em que a situação apela à criatividade do mundo artístico, o Cineteatro apresentou nas comemorações do aniversário do Município os concertos com Adriano Alves (“Dinga”) e Ray van Dijvenbode, a performance teatral “Psicose” Mákina de Cena e a iniciativa conjunta com a associação Plutão de Verão, com o objetivo de dar a conhecer a nova geração de realizadores, a mostra de curtas-metragens Young South Film Festival – Couch Editions. 
 
Também a Festa da Espiga, um dos pontos altos do Dia do Município de Loulé, reinventou-se este ano. Foi possível ter um pouco desta festividade sem sair de casa, evitando o ajuntamento de público que pusesse em causa as indicações da Direção-Geral de Saúde. A festa mais tradicional e emblemática da freguesia de Salir foi assinalada em dois momentos. “A Espiga vai a sua casa”, com o desfile de dois carros em representação de atividades do mundo rural, que percorreu toda a freguesia levando a festa à porta dos habitantes, e “A Espiga em direto”, um concerto transmitido online, a partir de um terraço desta vila com a presença dos artistas como Filipa Nobre, André Catarino, Diogo Ramos e Gonçalo Tardão.
 
Emídio Santos
 
 
PUB
 
MAIS LIDA ONTEM
Avistado homem morto na Ria Formosa em Faro

Avistado homem morto na Ria Formosa em Faro

ver mais
 
 
  
PUB
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Buscas prosseguem esta quinta-feira para encontrar jovem desaparecido na Praia da Prainha em Alvor

Buscas prosseguem esta quinta-feira para encontrar jovem desaparecido na Praia da Prainha em Alvor

ver mais
 
Município de São Brás de Alportel prepara para julho reabertura do troço Sul da Avenida da Liberdade

Município de São Brás de Alportel prepara para julho reabertura do troço Sul da Avenida da Liberdade

ver mais
 
Olhanense impugna alteração regulamentar “à medida” das pretensões da FPF

Olhanense impugna alteração regulamentar “à medida” das pretensões da FPF

ver mais
 
 
 
 
Alô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Click Saúde» Desporto» Economia
» Política» Figuras da nossa Terra» Fichas de Leitura» CX de Correio