Desporto

Covid.19:Castores do Arade regressaram à competição no Campeonato Nacional de Esperanças

Os Castores do Arade regressaram às grandes competições nacionais, no passado sábado, dia 11 de julho, no Centro de Alto Rendimento de Montemor-o-Velho, para o Campeonato Nacional de Esperanças de Canoagem.

 
Os algarvios conseguiram conquistar o 7º lugar coletivo entre 40 clubes nacionais em competição. O Nacional de Esperanças é uma competição dedicada aos escalões mais jovens da canoagem, de idades compreendidas entre os 9 e os 16 anos, pelo que estiveram em competição mais de 400 atletas em representação de 40 clubes nacionais de norte a sul do país.
 
Fazendo-se representar por uma equipa de 18 atletas, os Castores conseguiram várias classificações individuais no top-10, destacando-se o 2º lugar conquistado por Iara Bebiano em K1 (kayak individual) infantil feminino “A” e 6ª da classificação geral. Realce ainda para as classificações entre os 10 primeiros com Ianis Bebiano a alcançar o 5º lugar em K1 iniciado, Clélia Santos também em 5º lugar em K1 iniciado feminino, Rúben Luís em 8º K1 infantil, Filipe Libório também em 8º em K1 cadete e muito próxima do top-10, Leonor Ramos, terminou em 11º lugar em K1 infantil feminino.
 
Marcado por rigorosas medidas de segurança, devido à pandemia de COVID-19, o Centro de Alto Rendimento viu serem atribuídos apenas os títulos em embarcações individuais (K1 e C1), uma vez que dada a distância de segurança determinada pela Direção-Geral de Saúde, não foi possível realizar provas em embarcações bilugares de K2 e C2, explica o clube de Lagoa em comunicado.
 
As regatas estavam também limitadas à participação de 65 atletas nacionais por escalão e 400 atletas no total.
 
Os Castores do Arade dão os "parabéns", à Federação Portuguesa de Canoagem, por permitir o regresso das competições "neste momento difícil, a marcar a diferença", relativamente aos outros desportos que cancelaram a maioria das competições dos escalões de formação.  
 
A competição realizou-se à porta fechada, fruto das limitações impostas pela pandemia, sendo permitida a entrada a agentes da canoagem no Centro de Alto Rendimento de Montemor-o-Velho com a Federação Portuguesa de Canoagem a disponibilizar a transmissão em direto da prova através do seu canal no youtube.