Economia

Cresc Algarve reserva 800 mil euros para a Cultura

Deux Pierre (Foto - J Mariano)
Deux Pierre (Foto - J Mariano)
O Programa Operacional Cresc Algarve 2020 prevê o financiamento de eventos associados ao património, à cultura e a bens culturais, com elevado impacte em termos de projeção da imagem da região, através da programação em rede a nível intermunicipal e/ou regional.

 
Contempla a divulgação e integração territorial, através de iniciativas de cooperação territorial e institucional que permitam integrar a programação cultural, as visitas guiadas e a divulgação de equipamentos e bens culturais do Algarve.
 
Segundo a CCDR, o objetivo passa por conceder apoios financeiros aos investimentos que visem promover a dinamização, promoção e desenvolvimento do património cultural, "enquanto instrumento de diferenciação e competitividade dos territórios designadamente através da sua qualificação e valorização turística, favorecendo a cooperação, as parcerias e o trabalho em rede dos Municípios, entidades privadas sem fins lucrativos e dos agentes culturais, mediante protocolo".
 
A duração das operações poderá atingir o máximo de 18 meses cuja taxa de cofinanciamento será de 100% no primeiro ano e, caso a programação cultural seja realizada de forma continuada, de 95% no segundo ano da operação.
 
As candidaturas podem ser apresentadas até 31 de agosto cuja dotação do cofinanciamento FEDER a atribuir à totalidade das operações a selecionar, será de 800 mil euros.