Periodicidade: Diária | siga-nos | seja fã
PUB
 

Lotas do Algarve registaram o maior crescimento a nível nacional

Lotas do Algarve registaram o maior crescimento a nível nacional
Foto|direitos reservados
Imprimir Partilhar por email
22-01-2020 - 10:37
O valor do pescado transacionado nas lotas e postos de Portugal Continental, sob gestão da Docapesca, atingiu o valor histórico de 212,3 milhões de euros em 2019, o que representa um crescimento de 3,3% em comparação com os 205,5 milhões do ano transato.
 
Segundo a Docapesca, o pescado transacionado atingiu assim o valor mais elevado desde que existem registos estatísticos sistematizados.
 
A quantidade de pescado transacionado também passa de 99,7 mil toneladas em 2018 para 112,6 mil toneladas, correspondendo a um aumento de 12,7%.
 
As lotas do Algarve foram as que registaram um maior crescimento a nível nacional. A quantidade de pescado passou de 11,9 para 20,5 toneladas (mais 71,8%) e o valor das vendas evoluiu de 46,1 para 53,1 milhões de euros (mais 15,1%).
 
Quanto ao valor das vendas de pescado, destaca-se Vila Real de Santo António, com 14 milhões de euros (+7,6%), Portimão, com 9 milhões de euros (+26,6%), Quarteira, com 8,9 milhões de euros (+26,2%) e Olhão, com 8,2 milhões de euros (+29,4%)
 
Surgem a seguir Sagres (5,1 milhões, variação de 0%), Lagos (2,4 milhões, +21,3%), Fuzeta (2,3 milhões, +12%), Santa Luzia (2,2 milhões, +22,8%) e Albufeira (987 mil euros, -18,3%).
 
Relativamente à quantidade de pescado transacionado, Quarteira atingiu as 6,6 toneladas (+147,3%), Portimão 5,1 toneladas (+77,6%), Olhão 4,7 toneladas (+63,8%), Sagres 1,3 toneladas (+10,2%), Vila Real de Santo António 1,3 toneladas (+11,1%).
 
Embora com menos quantidade transacionada, comunicado da Docapesca sublinha ainda o crescimento de Lagos (+57,5%), de Santa Luzia (+42,2%) e de Fuzeta (+24,2%).
 
A nível nacional, as espécies mais relevantes em valor de vendas foram o polvo-vulgar, a sardinha, o carapau, o biqueirão e a cavala.
 
Em 2019, a Docapesca obteve a extensão da certificação do sistema de gestão da segurança alimentar das lotas de Viana do Castelo, Aveiro e Vila Real de Santo António, segundo o referencial ISO 22000:2005 totalizando sete estabelecimentos certificados. Este processo de certificação das lotas irá ser reforçado com vista à certificação de um total de 10 lotas em 2020.
 
 
PUB
 
MAIS LIDA ONTEM
Município de Lagoa aprova medidas especiais de apoio às famílias, às empresas e ao terceiro setor

Município de Lagoa aprova medidas especiais de apoio às famílias, às empresas e ao terceiro setor

ver mais
 
 
  
PUB
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Centro de colheitas de Lagos já entrou em funcionamento

Centro de colheitas de Lagos já entrou em funcionamento

ver mais
 
Portugal regista 9034 infetados:Algarve com mais 21 em 24 horas

Portugal regista 9034 infetados:Algarve com mais 21 em 24 horas

ver mais
 
Vila do Bispo:Mulher cospe para militares da GNR e disse que estava infetada

Vila do Bispo:Mulher cospe para militares da GNR e disse que estava infetada

ver mais
 
 
 
 
Allô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Click Saúde» Desporto» Economia
» Política» Figuras da nossa Terra» Fichas de Leitura» CX de Correio