Periodicidade: Diária | siga-nos | seja fã
PUB
 
O dinheiro não traz felicidade?
Imprimir Partilhar por email
É comum afirmar-se que o dinheiro não traz felicidade, mas todos o querem ter e precisam dele para viver!
 
A questão é que, de acordo com alguns trabalhos de investigação, a ideia que se tem construído de que o dinheiro e o consumo são fontes de prazer, bem-estar e felicidade, parece estar muito distante da realidade.
 
Muitos entendidos são unânimes em comparar os ricos aos psicopatas, na medida em que existem traços comuns que os aproximam e, ao mesmo tempo, os afastam da felicidade. 
 
No entanto, continua a ser visível a imagem de que, ter dinheiro e poder, é conseguir comprar o mundo.
 
Para que se compreenda mais acerca do assunto, vale a pena reler as posições de Paul Babiak e Robert Hare, autores do livro "Snakes in Suits" (Serpentes de Fato), que afirmam existir uma relação entre a psicopatia, que se caracteriza por uma falta de consciência, e as pessoas que atingem o sucesso ou a riqueza.
 
De acordo com os mesmos cientistas, citados pela revista Forbes, “a incidência de psicopatas nos cargos de CEO, por exemplo, é quatro vezes mais alta do que na população em geral”, isto devido à facilidade com que se abstraem dos sentimentos e colocam o trabalho e a racionalidade ao serviço do lucro. 
 
No livro "The Psychopath Test" (O Teste do Psicopata), o jornalista Jon Ronson clarifica, 
"Basicamente, quando falamos com eles [psicopatas] são diferentes dos seres humanos. Faltam-lhes coisas que fazem de nós humanos: empatia, remorso, bondade". Neste sentido, torna-se impossível desfrutar das sensações quando se tem dinheiro e poder. 
 
A tal ganância e ânsia por chegar ao poder vai deixando para trás um conjunto de requisitos humanos que “prejudicam” os objetivos delineados.
 
Há mesmo quem afirme que, só chega ao poder com muito dinheiro e sucesso quem já reúne essas particularidades na sua personalidade.
 
Para que não haja dúvidas e fazendo ao mesmo tempo, um convite à reflexão, “O Business Insider” organizou os sete traços de personalidade que ricos e psicopatas têm em comum: 
 
1 - Falta de empatia: Os psicopatas são incapazes de sentir empatia, entender os sentimentos e experiências dos outros. É natural que se centrem nas relações sociais na procura de um benefício. 
 
2 - Egoísmo: Sejam ricos ou psicopatas ambos tendem a falar muito bem de si mesmos, gostam de se exacerbar a si próprios e não têm espaço para os outros.
 
3 - Charme superficial: Um estudo analisou a personalidade de 39 líderes de negócios britânicos e comparou os resultados com os de criminosos condenados. Os resultados foram semelhantes em alguns dos indicadores de psicopatia e os executivos até tiveram pontuações mais altas em capacidades que as empresas valorizam mas que são comuns aos psicopatas: lisonjeiros e manipuladores, disposição para explorar os outros e falta de consciência.
 
4 - Falta de Remorsos: Os psicopatas são, normalmente, muito charmosos e carismáticos, mas mostram pouco remorso quando as suas ações prejudicam os outros e tendem mesmo a encontrar alguém que carregue com as culpas.
 
O jornalista Ron Johnson aponta o antigo CEO da marca de automóveis britânica Sunbeam como um exemplo destas características. Al Dunlap, que conquistou um lugar do Top 10 da Time para os "piores patrões", era conhecido pelos seus despedimentos e reestruturações agressivas.
 
5 - Egoísmo: Faz sentido que as pessoas ricas sejam mais generosas, mas um estudo recente mostrou o contrário: São as pessoas mais pobres que fazem as maiores doações para a caridade, relata o The Economist. Nas classes mais baixas o sentimento de responsabilidade é maior, concluiram as experiências que se seguiram.
 
6 - Comportamento anti-ético: Pessoas de classe alta são mais propensas a ter comportamentos pouco éticos do que pessoas de classes mais baixas. As pessoas mais ricas tendem a cometer infrações no trânsito, a roubar, mentir durante uma negociação ou a praticar e aprovar comportamentos anti-éticos no trabalho.
 
7 - Tendência para o tédio: Os psicopatas gostam de viver em constante perigo e emoção. Muitos deles cometem crimes ou magoam os outros apenas como forma de satisfação pessoal. "Basicamente, os psicopatas podem ser patrões brilhantes mas apenas a curto prazo", comentou ainda o jornalista, nas declarações à Forbes.
 
Partindo deste pressuposto de que, a riqueza e a procura dela acarretam um conjunto de limitações humanas, vale a pena pensar até que ponto o sucesso e a fortuna constituem um emblema de vida.
 
Esta reflexão poderá modificar muitas mentalidades e permitir inclusive que, mais crianças possam desfrutar de pais presentes e amigos, pois efetivamente o dinheiro não paga a maior parte da liberdade humana a que se tem direito!
 
Fátima Fernandes
 
50 dicas mais lidas

Educação: o que não se deve (de forma alguma) fazer a uma criança

(87414)

Pais são responsáveis pelo mau comportamento dos filhos

(37172)

Há pessoas que (só) falam mal dos outros. Saiba porquê.

(19255)

Sabe o que é Síndrome de Húbris? É a doença do poder!

(14040)

Não podemos viver sem amor

(12002)

O que se esconde atrás da traição feminina?

(11009)

A mentira: um mal necessário

(9166)

As pessoas tristes são as mais egoístas!

(9061)

Idade não traduz maturidade

(8852)

“Bom português”:sabe como/quando utilizar ás, às e hás?

(8359)

Afinal, há sexo no local de trabalho! – estudo mostra realidade desconhecida

(8293)

Educação: orientar as crianças para a maturidade emocional

(8044)

Os principais erros que os pais cometem com os filhos adolescentes

(6832)

Afinal, os amigos não são para sempre!

(5726)

Vamos ler os rótulos dos alimentos?

(5604)

É Demissexual?

(5356)

Mulheres só descobriram prazer sexual na década de 80

(5306)

Ignorância: a maior doença da Humanidade

(5183)

“Os pais não são ‘os amigos’ dos filhos”

(5111)

A “ciência” do aperto de mão

(4731)

Abraços melhoram a memória e o bem-estar físico

(4718)

Casais juntos 24 horas por dia – mais risco de desgaste?

(4679)

Violência doméstica: a família tem de re(agir)

(4662)

Amor:Como ultrapassar a “crise dos 7 anos”?

(4539)

“Bom português”: sabe utilizar a vírgula?

(4485)

Os filhos precisam de mais tempo dos pais!

(4483)

O poder das ervas aromáticas

(4443)

Vamos fazer a leitura dos pés?

(4358)

“Ou mudamos a educação ou o mundo vai afundar” – Claudio Naranjo

(4258)

Há cada vez mais pais com medo dos filhos. Porquê?

(4241)

Escola: o que não se deve dizer/fazer aos filhos

(4179)

A família é a base do sucesso escolar

(4144)

Rejeição dos pais deixa marcas para a vida

(4069)

Beleza não é sinónimo de felicidade - estudo

(4059)

Ansiedade: o problema psiquiátrico da atualidade

(4057)

Descubra “o poder curativo” da praia

(4032)

Portugal: o país onde as crianças são “únicas e especiais”

(4031)

Oito “segredos” para ser bom pai

(4028)

Descubra os “segredos” das pessoas mais felizes do mundo

(4019)

O que muda na mulher aos 40?

(3960)

“Ser fixe” na adolescência é sinal de alerta para o futuro

(3869)

“Crianças que não brincam, ficam doentes” – Mário Cordeiro

(3834)

Pais inseguros “desenvolvem” filhos instáveis

(3751)

Desenho: uma forma de expressão essencial ao desenvolvimento

(3656)

“Discussões fazem mal à saúde”

(3647)

Está a preparar o seu filho para o mundo?

(3632)

Como estimular a inteligência nos bebés

(3622)

A mudança interior aumenta a esperança de vida

(3566)

A inveja: um ponto contra a auto-estima

(3543)

O que uma criança deve saber aos 4 anos de idade?

(3540)
PUB
 
MAIS LIDA ONTEM
Sirene dos bombeiros de Portimão alerta quando há pessoas a mais nas ruas

Sirene dos bombeiros de Portimão alerta quando há pessoas a mais nas ruas

ver mais
 
 
  
PUB
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Rogério Bacalhau no palco do Lethes como professor

Rogério Bacalhau no palco do Lethes como professor

ver mais
 
Secretário de Estado José Apolinário presenciou à ação de descontaminação no Lar de Boliqueime

Secretário de Estado José Apolinário presenciou à ação de descontaminação no Lar de Boliqueime

ver mais
 
Ualg cria subsídio de emergência a estudantes e está a aceitar doações

Ualg cria subsídio de emergência a estudantes e está a aceitar doações

ver mais
 
 
 
 
Allô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Click Saúde» Desporto» Economia
» Política» Figuras da nossa Terra» Fichas de Leitura» CX de Correio