Comportamentos
O que não se deve dizer a uma pessoa com depressão
É do domínio público que a Depressão é um problema real e que precisa de ser tratado para que a pessoa que dela sofre recupere a sua qualidade de vida.

 
Nesse sentido, é preciso que a pessoa se sinta compreendida, apoiada e encorajada, mas erradamente costuma-se dizer um conjunto de frases, acreditando estar a ajudar quem está deprimido. Por se tratar de um erro, recorremos à Clínica Da Mente e listamos estas 15 dicas do que nunca se deve dizer a alguém com Depressão.
 
1. Anima-te!
Solidarize-se com a pessoa compreendendo a seriedade do seu problema. Em vez de lhe dizer para se animar que vai surtir o efeito oposto, ouça os seus problemas e aconselhe-a a procurar ajuda.
 
2. Tens de sair dessa!
O estado depressivo é debilitante e contínuo, e não passa só porque se quer.
 
Para contrariar a sensação de isolamento que a pessoa sente, pode simplesmente mostrar-se disponível enviando mensagens e telefonando para que saibam que alguém se preocupa, e que para que a pessoa em depressão possa apenas falar consigo.
 
3. Há pessoas que estão em situação pior!
A pessoa em depressão precisa de apoio, não que desvalorizem o que está a sentir. Mostre-se próximo e disposto a ajudar.
 
4. A vida continua!
Viver com Depressão é como viver sob um peso de 40 toneladas, sem conseguir levantar-se e mover-se. Dizer que a vida continua ainda deixa a pessoa mais desmoralizada, pelo que deve evitar também esta afirmação.
 
5. Sabes que toda a gente tem problemas!
Quando diz isto, está a implicitar que a pessoa deprimida escolheu estar infeliz, o que a faz sentir ainda pior. Opte por uma atitude de compreensão.
 
6. Sai e diverte-te!
Lembre-se que a pessoa em Depressão não se sente com força ou ânimo para as coisas mais básicas.Se estiver disponível para dar um passeio com essa pessoa, então sugira-o.
 
7. És muito sensível.
A Depressão é muito mais do que uma característica da personalidade. Não desvalorize a gravidade da Depressão. Se a pessoa está deprimida não é porque é fraca mas porque viveu intensamente experiências anteriores que a perturbaram. Mais uma vez, mostre compreensão e procure ajudar no que puder.
 
8. Tu és forte, vais ficar bem!
Algumas pessoas fortes poderão conseguir lidar com o desânimo e desespero. Mas quem está deprimido, sente que a sua vida não significa nada! Em vez de dizer isto, limite-se a ouvir o que a pessoa está sentir.
 
9. Tens de parar de ter pena de ti próprio!
O que a pessoa deprimida sente ao ouvir isto é que a sua personalidade é fraca, o que a faz sentir ainda pior. Dê o seu tempo à pessoa e interesse-se pelos seus problemas.
 
10. Toma vitaminas para o stresse!
Aqui está subjacente a ideia de que há uma pílula mágica que cura os problemas. Apenas um psicoterapeuta qualificado poderá diagnosticar e prescrever um tratamento adequado e eficaz que provavelmente não passará por medicação. A medicação atua no nosso sistema bioquímico. A depressão não é uma doença, é um estado emocional.
 
11. Telefona-me!
Se está realmente interessado em ajudar, deve ser você que estende a mão a quem precisa. Recorde-se que a pessoa se sente sem importância e sem força.
 
12. A vida é dura!
Este tipo de afirmações reforça e agrava os sentimentos negativos da pessoa deprimida. É preferível que demonstre empatia e se disponibilize para apoiar e ajudar a superar o seu estado.
 
13. Tens de te esforçar mais!
Críticas e comentários críticos não são nada construtivos. A recuperação de uma pessoa em Depressão é influenciada pela forma como a família e os amigos encaram o problema.
 
14. Já deves estar melhor agora!
A impaciência mostra que ninguém realmente entende o que a pessoa deprimida está a passar. Não coloque prazos à recuperação de uma pessoa.
 
15. Vais ter de aprender a viver com a Depressão!
Não! Viver em Depressão é estar num túnel escuro sem luz. Mas não tem de ser um problema para sempre: a Depressão tem solução. A melhor coisa que pode fazer é calmamente apoiar a pessoa a procurar o tratamento eficaz para a sua perturbação.
 
A Clínica da Mente recomenda que se ajude a pessoa e que se encaminhe quem está a passar por esta situação para uma ajuda especializada.
 
Fátima Fernandes