Periodicidade: Diária | siga-nos | seja fã
PUB
 
O que precisa de saber sobre o egoísmo
Imprimir Partilhar por email
É consensual que uma pessoa egoísta é aquela que coloca os seus interesses acima dos dos outros, no entanto, a situação vai muito para além do não conseguir ou querer partilhar, de não ter interesse pelos outros e daí por diante.
 
O egoísmo gera solidão e muita ansiedade, sobretudo porque as pessoas estão sempre à procura da satisfação das suas necessidades pessoais e, mesmo quando têm o que pretendem, querem sempre mais e mais.
 
Na realidade, não é difícil reconhecer alguém tipicamente egoísta, difícil é saber as causas que o levam a tal comportamento. Há quem entenda o egoísmo como um ponto não corrigido na educação e que acaba por se desenvolver ao longo da vida, quem inclua características genéticas e, há inclusive estudos que demonstram que o cérebro dos egoístas é diferente do das pessoas que não apresentam essa característica, mas seja qual for a causa, a realidade mostra-nos uma grande dificuldade em lidar com tal condição.
 
Em torno desta questão, têm sido levados a cabo diversos estudos, sendo difícil retirar uma conclusão decisiva. Alguns estudiosos defendem também a teoria do gene egoísta, enquanto outros, afirmam que são razões comportamentais e psicológicas que formam um indivíduo egocêntrico, para além de questões ligadas à evolução da espécie humana e à necessidade de sobrevivência.
 
Sendo natural ou adquirido, o indivíduo egoísta possui baixa consciência emocional, o que o limita na observação do outro. Uma característica marcante do egoísmo é precisamente a dificuldade de se colocar no lugar do outro, pelo que estas pessoas têm a sua capacidade empática diminuída e uma profunda impaciência face a tudo o que diz respeito ao outro.
 
É muito difícil que alguém se assuma como egoísta e, por vezes, as pessoas em seu redor até têm medo de assumir que têm um amigo ou uma amiga com tais características porque é muito doloroso conviver com alguém que está sempre centrado em si mesmo e que não consegue incluir os outros nem num momento de convívio, nem no trabalho, nem numa relação amorosa.
 
Simone Demolinari, especialista na matéria, elaborou uma lista com as principais características de uma pessoa egoísta.
 
Faça também o teste para melhor se proteger face a pessoas com este tipo de comportamento:
 
– Narcisismo. O egoísmo e o narcisismo andam ‘de mãos dadas’ porque em ambas as características se coloca o “eu” acima de tudo. Estas pessoas vivem na profunda ilusão de que são os favoritos, os mais apreciados, melhores que os outros e, acima de tudo, que os outros se rendem ‘aos seus encantos’, aos seus temas de interesse e desejos.
 
– Dificuldade ou incapacidade em compreender a dor do outro. Para que exista uma relação, é fundamental que ambas as partes se envolvam racional e emocionalmente e que encontrem um entendimento, no entanto, o egoísta entende racionalmente porém a sua percepção emocional não atinge o mesmo nível. Neste sentido, dificilmente consegue viver uma relação estável, saudável e duradoura.
 
– Dificuldade em mudar. A mudança ocorre a partir de algumas emoções: remorso, sentimento de culpa e principalmente uma boa autocrítica. Sem compreensão emocional não há transformação. Quando há mudança é porque algo o está a prejudicar, nesse caso, muda por interesse próprio.
 
– Cada um por si. Esperar que o indivíduo egoísta tenha zelo pelo outro é esperar em vão, já que este define o que é bom para si, e se, o outro não reivindicar, a decisão está tomada.
 
– Contabilidade negativa: são exigentes, cobram muito, mas dão pouco.
 
- Lógica invertida: fazem com o outro o que não gostam que fazem consigo.
 
– Lógica vantajosa: não considera o contexto do outro. O pensamento é mais ou menos assim: “se o outro aceitou é porque não estava tão mal assim”. Um pensamento simplista que não leva em consideração outros fatores.
 
Na posição de Simone Demolinari, contrariamente ao que se possa pensar, os egoístas não são fortes, não conseguem resolver os seus problemas sozinhos e sofrem muito de medo e ansiedade precisamente porque sabem que, a qualquer momento, podem perder o que querem, ainda assim, não conseguem alterar o seu comportamento.
 
Muitos especialistas acreditam que a psicoterapia pode ajudar a atenuar uma parte destes sintomas e melhorar significativamente a qualidade de vida dos próprios e, por conseguinte, a sua relação com os outros, por isso, se tem um amigo egoísta, convença-o a pedir ajuda!
 
Fátima Fernandes
 
50 dicas mais lidas

Educação: o que não se deve (de forma alguma) fazer a uma criança

(88014)

Pais são responsáveis pelo mau comportamento dos filhos

(37628)

Há pessoas que (só) falam mal dos outros. Saiba porquê.

(21309)

Sabe o que é Síndrome de Húbris? É a doença do poder!

(15199)

Não podemos viver sem amor

(12349)

O que se esconde atrás da traição feminina?

(11536)

A mentira: um mal necessário

(9680)

Idade não traduz maturidade

(9502)

As pessoas tristes são as mais egoístas!

(9462)

“Bom português”:sabe como/quando utilizar ás, às e hás?

(8948)

Afinal, há sexo no local de trabalho! – estudo mostra realidade desconhecida

(8687)

Educação: orientar as crianças para a maturidade emocional

(8659)

Os principais erros que os pais cometem com os filhos adolescentes

(7346)

Ignorância: a maior doença da Humanidade

(6359)

Afinal, os amigos não são para sempre!

(6038)

Vamos ler os rótulos dos alimentos?

(5799)

É Demissexual?

(5612)

Mulheres só descobriram prazer sexual na década de 80

(5530)

“Bom português”: sabe utilizar a vírgula?

(5421)

“Os pais não são ‘os amigos’ dos filhos”

(5415)

A “ciência” do aperto de mão

(5270)

Abraços melhoram a memória e o bem-estar físico

(5043)

Casais juntos 24 horas por dia – mais risco de desgaste?

(4953)

Violência doméstica: a família tem de re(agir)

(4918)

O poder das ervas aromáticas

(4884)

Vamos fazer a leitura dos pés?

(4832)

Amor:Como ultrapassar a “crise dos 7 anos”?

(4827)

Os filhos precisam de mais tempo dos pais!

(4719)

Rejeição dos pais deixa marcas para a vida

(4633)

Há cada vez mais pais com medo dos filhos. Porquê?

(4578)

“Ou mudamos a educação ou o mundo vai afundar” – Claudio Naranjo

(4554)

A família é a base do sucesso escolar

(4505)

Escola: o que não se deve dizer/fazer aos filhos

(4398)

Beleza não é sinónimo de felicidade - estudo

(4371)

O que muda na mulher aos 40?

(4370)

Oito “segredos” para ser bom pai

(4344)

Descubra “o poder curativo” da praia

(4298)

Portugal: o país onde as crianças são “únicas e especiais”

(4291)

Ansiedade: o problema psiquiátrico da atualidade

(4268)

Descubra os “segredos” das pessoas mais felizes do mundo

(4233)

“Ser fixe” na adolescência é sinal de alerta para o futuro

(4154)

Desenho: uma forma de expressão essencial ao desenvolvimento

(4109)

“Crianças que não brincam, ficam doentes” – Mário Cordeiro

(4069)

Pais inseguros “desenvolvem” filhos instáveis

(3991)

“Discussões fazem mal à saúde”

(3965)

Como estimular a inteligência nos bebés

(3902)

Falta de empatia: a maior doença da humanidade

(3895)

Está a preparar o seu filho para o mundo?

(3858)

A mudança interior aumenta a esperança de vida

(3842)

O que uma criança deve saber aos 4 anos de idade?

(3823)
PUB
 
MAIS LIDA AGORA
Covid.19:Novos casos são de Lagos e Portimão (contagem por concelho)

Covid.19:Novos casos são de Lagos e Portimão (contagem por concelho)

ver mais
 
 
  
PUB
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Covid.19:CDS diz que algarvios precisam "de resposta urgente"

Covid.19:CDS diz que algarvios precisam "de resposta urgente"

ver mais
 
Futsal:Clubes de Faro assinam protocolo "histórico"

Futsal:Clubes de Faro assinam protocolo "histórico"

ver mais
 
I Liga:Portimonense perde em casa frente ao Vitória de Guimarães

I Liga:Portimonense perde em casa frente ao Vitória de Guimarães

ver mais
 
 
 
 
Alô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Click Saúde» Desporto» Economia
» Política» Figuras da nossa Terra» Fichas de Leitura» CX de Correio