Periodicidade: Diária | siga-nos | seja fã
PUB
 

Projeto Algarve REVIT + apresentado em Tavira para apoiar a competitividade e inovação empresarial

Imprimir Partilhar por email
06-06-2019 - 08:16
O Projeto Algarve REVIT +, junta NERA – Associação Empresarial da Região do Algarve, AMAL e CCDR Algarve, com um objetivo comum, alavancar a competitividade e a inovação empresarial na região.
 
A apresentação aconteceu esta quarta-feira, no Mercado da Ribeira em Tavira, com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Tavira, Jorge Botelho, Presidente da Direção do NERA, Vítor Neto e o Presidente da Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve, Francisco Serra, com uma mostra das empresas instaladas no Parque Empresarial de Tavira.
 
O Projeto Algarve REVIT + é cofinanciado pelo CRESC Algarve 2020, Portugal 2020 e Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional.
 
O NERA - Associação Empresarial da Região do Algarve, a AMAL - Comunidade Intermunicipal do Algarve e a CCDR Algarve - Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional do Algarve, candidataram-se em conjunto e viram aprovado pelo Programa Operacional Regional do Algarve (CRESC Algarve 2020) o projeto denominado Algarve REVIT + que, sem quaisquer custos para as empresas, tem como objetivo revitalizar áreas empresariais da região do Algarve, através do reforço da capacitação e da promoção das pequenas e médias empresas instaladas nessas áreas, num modelo de gestão e de marketing inovadores.
 
A ideia é criar a Rede de Áreas Empresariais do Algarve, que tem sido desenvolvida em estreita ligação com o Algarve Acolhe/CCDR Algarve, envolvendo ações de capacitação e promoção, dirigidas especificamente a três áreas empresariais aderentes, nomeadamente: Áreas Empresariais de Lagos (Municipal do Chinicato, Chinicato e Marateca), Centro de Empresas e Serviços de Vilamoura e Parque Empresarial de Tavira.
 
Estas ações organizadas com a estreita colaboração das Câmaras Municipais de Lagos, Loulé e Tavira, têm datas e locais de realização definidos, nos dias 5 e 6 de Junho no Mercado da Ribeira de Tavira, dias 12 e 13 de Junho no NERA, no Loteamento Industrial de Loulé, 18 e 19 de Junho no Centro Cultural de Lagos.
 
O respetivo programa pode ser consultado em www.aealgarve.pt
 
Na apresentação oficial deste projeto, o Presidente do Nera, Vítor Neto, focou que a ideia de fundo passa pela «cooperação entre entidades regionais com o objetivo de consolidar e reforçar a economia da região».
 
O empresário lamentou que a região, que outrora foi exportadora de frutos secos, importe atualmente figos da Turquia ou amêndoas da Espanha e da Califórnia, «não se entende como é que temos os recursos e potencialidades, mas estamos a importar».
 
Vítor Neto referiu que o projeto Algarve Revit+ é para contrariar este tipo de situações, «acredito que não há economia sem empresas, nem há emprego sem economia».
 
Além da cooperação entre as três entidades (NERA, AMAL e CCDR), outro objetivo é que as empresas dos três parques empresariais de Tavira, Vilamoura e Loulé «trabalhem em rede», estendendo-se a outras áreas empresariais.
 
O Presidente do Nera, defendeu que o Algarve não tem turismo a mais «temos é outros setores a menos, e até o turismo está sujeito a uma série de desafios, por exemplo a nível internacional, onde o turismo não pode viver sozinho, por isso defendo que temos que ter produção, economia, à volta do turismo, com base na formação de uma estrutura económico-social na região, porque as famílias só se fixam, se houver diferentes possibilidades de atividade».
 
Vítor Neto realçou o facto do Algarve, ter a força como nenhuma outra região do país tem, reportando-se à CCDR, AMAL, Associações Empresariais a convergirem na mesma direção «isto é um capital importantíssimo, o que é que nos falta, provas, chefia, liderança, para termos mais peso», dando como exemplo o problema da mobilidade que toca a todos os concelhos.
 
Jorge Botelho, Presidente da AMAL e da autarquia de Tavira, assumiu que este projeto serve não só para captar novas empresas para os Parques Empresariais, mas também «dar uma atenção renovada às empresas já instaladas».
 
Com o impulso que se pretende dar aos três Parque Empresariais envolvidos, Jorge Botelho, acredita que o de Tavira tem todas as condições para ser um Parque central em termos de investimento para a indústria,«até porque nos últimos tempos temos registado um interesse crescente por parte de investidores».
 
Apesar da liquidação em curso da empresa municipal EMPET, gestora do Parque Empresarial de Tavira, o autarca assegurou  que a Câmara Municipal, «garantirá toda a confiança aos investidores».
 
Francisco Serra, Presidente da CCDR Algarve, caraterizou que o projeto promove o dinamismo empresarial e a valorização da qualidade de gestão das áreas empresariais, no sentido de potenciar o desenvolvimento do acolhimento de empresas mas também dá-las a conhecer a possíveis investidores interessados, que façam a "ponte" a outras áreas da União Europeia.
 
O responsável lembrou que esta tem sido, uma das missões da CCDR Algarve nos últimos anos, a promoção e divulgação de programas de apoio, junto do setor empresarial da região.
 
Francisco Serra realçou que o Algarve tem grande potencial, na medida em que tem vindo a crescer a um ritmo do PIB, (produto interno bruto), superior ao ritmo do país, «sendo que passámos a ser de uma região dos 3,5% relativamente ao total nacional, para um valor próximo dos 5%, que é também um valor com que nos comprometemos com a Comissão Europeia, no âmbito dos Fundos Comunitários relativamente ao Quadro Comunitário até 2020».
 
O Presidente da CCDR, deixou ainda o desafio para que se consolidem as atividades económicas já existentes na região, mas também que se consiga recuperar alguma economia caraterística do passado, adaptada aos tempos modernos, como na aposta na diversificação, dando como exemplo o setor agro-alimentar.
 
 
COMENTÁRIOS
 
MAIS NOTÍCIAS
-

Áreas Empresariais de Lagos apresentam faturação na ordem dos 34 milhões de euros



-

Trabalhadores de três unidades hoteleiras algarvias entram em greve



-

Assinado contrato de remodelação e ampliação do Edifício do Centro Náutico de Alcoutim



-

Secretária de Estado do Desenvolvimento Regional em Loulé para inaugurar 3 projetos inovadores na área social



-

VRSA:Em caso de dissolução da empresa municipal, autarquia vai salvaguardar funcionários



PUB
 
MAIS LIDA ONTEM
Ministro do Ambiente e Ministra do Mar visitam intervenções de proteção e requalificação do litoral algarvio

Ministro do Ambiente e Ministra do Mar visitam intervenções de proteção e requalificação do litoral algarvio

ver mais
 
 
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Ministro da Administração Interna inaugura novo Posto Territorial da GNR em Quarteira

Ministro da Administração Interna inaugura novo Posto Territorial da GNR em Quarteira

ver mais
 
Algarve Primeiro espreitou ensaio da peça "SOBERANA Mãe Soberana de Loulé"

Algarve Primeiro espreitou ensaio da peça "SOBERANA Mãe Soberana de Loulé"

ver mais
 
Câmara de Portimão informa que Loja Ponto JA muda de local no Verão

Câmara de Portimão informa que Loja Ponto JA muda de local no Verão

ver mais
 
 
 
 
Allô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Fichas de Leitura» Desporto» Click Saúde
» Economia» Figuras da nossa Terra» Política» CX de Correio