Curiosidades
Sabe o que é a Alodoxafobia?
Trata-se de mais uma fobia entre as muitas descritas na nossa sociedade, contudo, a Alodoxafobia tem contornos muitos peculiares, já que se refere ao medo do que os outros possam pensar a seu respeito.

 
Esta fobia, tal como qualquer outra, acaba por ser muito limitativa da qualidade de vida, já que impede que o sujeito consiga expressar-se com naturalidade nas mais variadas situações em que possam estar outras pessoas ou precisar de estabelecer contacto com elas.
 
Do simples medo de enviar um e-mail e temer a reação do outro, passando pelo desespero que se sente com uma publicação nas redes sociais, esta fobia compromete também a liberdade de estar em locais onde estão outras pessoas e, ainda mais, acentua a dificuldade em falar em público.
 
Quem sofre desta fobia tem dois caminhos a seguir, ou procurar concretizar o seu medo e perceber que, na realidade não faz qualquer sentido ter esse receio dos outros, ou em casos extremos e incontroláveis, pedir ajuda psicológica ou mesmo psiquiátrica, dependendo da dimensão da fobia e da maior ou menor capacidade que o sujeito tem em se autocontrolar.
 
Nunca é demais referir que esta fobia compromete praticamente todos os contactos sociais, já que a pessoa julga estar sempre perante a crítica e o julgamento dos outros, mas é importante anotar que, em todas e quaisquer circunstâncias, qualquer pessoa está sempre sujeita à aceitação ou rejeição de alguém, pelo que é nisso que se deve concentrar. Ao mesmo tempo, deve pensar que todos estão sujeitos à crítica em qualquer momento e que será a força interior de cada pessoa que lhe permitirá resistir a este medo irracional.
 
Na base desta fobia podem estar questões relacionadas com a infância e voltadas para o perfecionismo e para o medo de falhar e do que os outros possam pensar ma seu respeito, entre outras interpretações que deverão ser avaliadas por um especialista.
 
Fátima Fernandes