Periodicidade: Diária | siga-nos | seja fã
PUB
 

Secretário de Estado elogia CCDR Algarve pelo "trabalho desenvolvido" na preparação do Portugal 2030

Imprimir Partilhar por email
16-11-2018 - 16:41
O Secretário de Estado do Desenvolvimento e Coesão, Nelson de Souza, presidiu ontem em Albufeira à abertura dos trabalhos da 3ª Reunião do Conselho de Inovação Regional do Algarve, órgão consultivo que junta representantes de entidades públicas, associações, empresas e a academia, no âmbito da dinamização da Estratégia Regional para a Especialização Inteligente (RIS3 Algarve).
 
Segundo revela comunicado da CCDR, o governante defende que «o Portugal 2020 tem um balanço bastante positivo». Em termos de execução, temos 77% da verba comprometida e 30% executada, o que coloca Portugal como o país com o maior nível de execução ao nível europeu, entre os países que têm pacotes financeiros semelhantes, acima de 5 mil milhões de euros».
 
«O Algarve dispõe de um programa específico, com taxas de compromisso e de execução na ordem dos 60% e dos 17%, respetivamente, o que coloca a região em linha dos outros programas operacionais regionais do continente», afirmou o governante, desafiando os participantes a envolverem-se na elaboração da estratégia pós-2020 e a procurarem novas formas de financiamento, para além dos fundos da União Europeia», acrescentou Nelson de Souza, felicitando a Comissão de Coordenação e Desenvolvimento Regional pelo trabalho desenvolvido na preparação do Portugal 2030.
 
Durante a mesma reunião dinamizada pelo Órgão de Acompanhamento das Dinâmicas Regionais da CCDR Algarve foi aprovada a criação de dois novos grupos de trabalho nos domínios temáticos das Tecnologias de Informação e Comunicação e das Indústrias Culturais e Criativas, completando assim o modelo de governança da RIS3 Algarve.
 
Conforme destacou o presidente da CCDR Algarve, Francisco Serra, «o encontro foi um momento para balanço dos trabalhos, de partilha e reflexão sobre o caminho já percorrido na região no âmbito da preparação do período pós-2020». 
 
No período da tarde decorreu uma sessão pública, sobre a implementação da RIS3 Algarve, onde foram partilhados projetos inovadores apoiados pelos Fundos Europeus Estruturais e de Investimento nos domínios do Turismo; Mar; Agroalimentar; Energias Renováveis; Saúde; TIC e Indústrias Culturais e Criativas.
 
A sessão terminou com as intervenções de Alexandre Almeida, da Agência Nacional de Inovação, e de António Sampaio Ramos, da Agência para o Desenvolvimento e Coesão, que levantaram a “ponta do véu” sobre o futuro dos fundos europeus e as perspetivas de desenvolvimento das políticas públicas de inovação e competitividade, que motivaram o debate entre os participantes presentes.
 
 
 
COMENTÁRIOS
 
MAIS NOTÍCIAS
-

Câmara de Loulé investe mais de 2,6 milhões para a segunda fase do "Passeio das Dunas"



-

Olhão:Recuperação de 17 fogos habitacionais devolutos avança já em Março



-

Debatidos problemas que mais afetam o setor hoteleiro algarvio



-

Arrancaram as obras da Ciclovia que vai ligar Castro Marim a Vila Real de St. António



-

100 vagas abertas para o Aeroporto de Faro



PUB
 
MAIS LIDA ONTEM
Direção do Olhanense lamenta declarações de Sérgio Conceição

Direção do Olhanense lamenta declarações de Sérgio Conceição

ver mais
 
 
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Jovem promessa olhanense ganha medalha de prata entre atletas de 40 países

Jovem promessa olhanense ganha medalha de prata entre atletas de 40 países

ver mais
 
Liga NOS:Portimonense perde frente ao Vitória SC

Liga NOS:Portimonense perde frente ao Vitória SC

ver mais
 
ARS Algarve promove rastreio do Cancro da Mama no concelho de Olhão

ARS Algarve promove rastreio do Cancro da Mama no concelho de Olhão

ver mais
 
 
 
 
Allô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Fichas de Leitura» Desporto» Click Saúde
» Economia» Figuras da nossa Terra» Política» CX de Correio