siga-nos | seja fã
PUB
 

Sabia que o Algarve foi berço da imprensa em Portugal

Sabia que o Algarve foi berço da imprensa em Portugal
Imprimir Partilhar por email
11-07-2017 - 10:46
O primeiro livro impresso – Pentateuco - saiu do prelo do editor judeu Samuel Gacon e sinaliza o Algarve como a região berço da imprensa portuguesa.
 
Que condições técnicas fixam a tipografia de Faro como a primeira a imprimir ou que razões histórico-culturais explicam a vitalidade produtiva de Faro, são alguns dos temas abordados no colóquio “Pentateuco: comemoração dos 530 anos de livro impresso em Portugal”, organizado pela investigadora Patrícia de Jesus Palma, que irá falar do projeto do Museu da Imprensa no Algarve.
 
“O Algarve tem o direito a conhecer, a orgulhar-se e a ensinar às gerações vindouras que foi o berço da imprensa em Portugal. É, pois, mais do que justificável, é natural a criação de um Museu da Imprensa na região que assinale e que continue a promover a Cultura, as diferentes Culturas de Escrita que têm na prensa tipográfica a sua matriz”, foca Patrícia de Jesus Palma.
 
O roubo e a contrafação de livros alinham nos temas em análise, bem como a contextualização da vida cultural de Faro ao longo dos séculos XV-XIX, pautada pela influência dos Judeus. 
 
Artur Anselmo (Academia das Ciências de Lisboa), Fernanda Maria Guedes de Campos (FCSH-UNL), Francisco Lameira (UAlg), João Alves Dias (CHAM-FCSH/NOVA-Uac), João Luís Lisboa (FCSH/NOVA-UAc), José Jorge Gonçalves (IEM; CHAM-FCSH/NOVA-UAc), José Pacheco (ISMAT) e Rui Loureiro (ISMAT; CHAM-FCSH/NOVA), são alguns dos nomes que integram o Programa e que transportam os interessados pelo complexo, multifacetado e fascinante mundo da história do livro. 
 
Ao colóquio, segue-se uma visita à exposição Faro: Marcos de Urbanismo, a inaugurar no Museu Municipal de Faro, que evoca a vida cultural da cidade berço da imprensa. 
 
“Pentateuco: comemoração dos 530 anos de livro impresso em Portugal”, a realizar no próximo dia 14 de Julho, entre as 9h00 e as 18h00, no Salão Nobre dos Paços do Concelho do Município de Faro, é uma iniciativa conjunta do Centro de Humanidades da Faculdade de Ciências Sociais e Humanas da Universidade Nova de Lisboa e da Câmara Municipal de Faro, com o apoio da Direcção Regional de Cultura do Algarve, Instituto Superior Manuel Teixeira Gomes e Fundação Manuel Viegas Guerreiro, com entrada livre.
 
 
COMENTÁRIOS
 
MAIS NOTÍCIAS
-

Ministro do Ambiente anunciou recuperação de 32 casas afetadas pelo fogo de Monchique



-

Praia da Manta Rota recria tradição do Banho Santo



-

Trânsito esteve cortado na Via do Infante por mais de uma hora devido a despiste



-

PALP confirma que Ministério do Mar apresentou recurso à sentença sobre suspensão do furo em Aljezur



-

7 Maravilhas à Mesa:Propostas de Loulé e Vila do Bispo não foram eleitas para a final



PUB
 
MAIS LIDA ONTEM
Câmara de Monchique lança projeto "único" para dar qualidade de vida a gatos

Câmara de Monchique lança projeto "único" para dar qualidade de vida a gatos

ver mais
 
 
  
ÚLTIMAS NOTÍCIAS
Ministro do Ambiente anunciou recuperação de 32 casas afetadas pelo fogo de Monchique

Ministro do Ambiente anunciou recuperação de 32 casas afetadas pelo fogo de Monchique

ver mais
 
Patinagem:Atleta algarvio sagra-se vice-campeão europeu

Patinagem:Atleta algarvio sagra-se vice-campeão europeu

ver mais
 
Praia da Manta Rota recria tradição do Banho Santo

Praia da Manta Rota recria tradição do Banho Santo

ver mais
 
 
 
 
Allô Pizza Escola de Condução C.C.S Loja das Taças Restaurante Os Arcos
» Sociedade» Fichas de Leitura» Desporto» Click Saúde
» Economia» Figuras da nossa Terra» Política» CX de Correio